Programas

ARTE COM SUSTENTABILIDADENARRATIVAS AMBIENTAISMEIO AMBIENTE E ESCOLA

O PROGRAMA ARTE COM SUSTENTABILIDADE tem como objetivo principal adotar uma postura crítica em relação ao consumismo e ao desperdício, aplicando, no seu dia a dia, procedimentos adequados de conservação e utilização dos recursos naturais através do reaproveitamento de materiais recicláveis para geração de renda com trabalhos artesanais.

Os beneficiados são as comunidades assistidas pelos CRAS – Centro de Referência em Assistência Social, voluntários de empresas, Associação de Moradores e grupos interessados.

Com este programa buscamos fazer a inclusão de posturas corretas com o meio ambiente no processo de formação de uma comunidade, possibilitando a construção da democracia e da cidadania a partir de conteúdos vinculados ao cotidiano, levando os indivíduos a se reconhecerem como parte integrante do meio e preservam o que é seu. Daí a necessidade de se buscar a adaptação ao atual modelo de desenvolvimento, hoje pautado no consumismo, para o reaproveitamento e reutilização dos recursos já disponíveis, colaborando para a preservação do meio ambiente, a arte e a geração de renda, formando multiplicadores do conhecimento sobre práticas e técnicas que diminuam o impacto nocivo que o homem vem causando no ambiente onde ele habita.

O programa nasceu como iniciativa de ajudar no Programa Paraná sem Lixões, programa do governo do Estado que visa a redução de resíduos sólido produzidos e sua destinação adequada, e é desenvolvido sob a forma de OFICINA PRÁTICA e INTERATIVA envolvendo os participantes nas questões relativas à materiais passíveis de reaproveitamento, visando sensibilizá-los para que adotem posturas em respeito ao meio ambiente e promovam ações participativas e sociais, em suas casas ou comunidade.

A oficina ocorre nas dependências dos solicitantes, com uma turma de no máximo 15 pessoas adultas que serão os multiplicadores do conhecimento. Para que a comunicação com os participantes seja mais interativa, o formato da proposta é trabalhar a teoria e a prática conjuntamente em todos os passos do processo, saindo com o produto concluído ao final da prática e com orientação individualizada esclarecendo todas as dúvidas e reforçando que a valorização do produto final para venda em melhor preço, priva sempre pela qualidade do mesmo.

CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR


O PROGRAMA NARRATIVAS AMBIENTAIS nasce como uma forma de inovar o repasse não só de conteúdos ambientais, turísticos e históricos, mas de boas práticas com materiais diferentes e alternativos, buscando a melhor compreensão para o aprendizado.

É importante compreender que o planejamento de ações destinadas a sensibilizar o educando no tocante à problemática ambiental requer um questionamento a respeito dos padrões de consumo e produção importados dos países ricos, e por nós adotados sob a influência ideológica dos meios de comunicação de massa. Trabalhar para modificar essa visão de consumismo é tarefa de toda sociedade, embora acabe, geralmente, se acumulando como papel do professor.

A inclusão dos temas transversais no processo educativo é uma proposta que busca a educação integral, ou seja, possibilita a construção da democracia e da cidadania a partir de conteúdos vinculados ao cotidiano e aos interesses da maioria da população. Mas é necessário que esses temas sejam concebidos como uma finalidade da educação não somente na escola, mas na comunidade também.
O Programa visa trabalhar as narrativas ambientais aliadas aos conteúdos do currículo básico, com mapa temático do Município de Ponta Grossa descrevendo a colonização que ocorreu com o caminho das tropas, inserindo as características geológicas, de fauna e flora da região.

A utilização do painel e dos personagens em destaque chama e prende a atenção dos educandos, requisitando-lhes a criatividade e proporcionando uma memorização mais eficaz, uma vez que podem lembrar daquilo que foi abordado como uma simples história. Em seguida, como forma de fixação e descontração são confeccionados alguns dos personagens que permeiam a narrativa, com materiais recicláveis e abordando um dos maiores problemas ambientais urbanos que é o lixo.

A constante busca pela interdisciplinaridade na Educação Ambiental faz com que se busquem as mais diversas formas de ampliação do conhecimento. Os recursos didáticos são muitos, mas é preciso fazer com que as pessoas realmente se sensibilizem pela questão e possam transmitir seus conhecimentos de forma simples, criativa e diferente. Como fixação e complementação do conteúdo apresentado serão confeccionados brinquedos com materiais recicláveis e abordado o maior problema ambiental urbano que temos que é o lixo.
Acreditamos que atividades lúdicas como as narrativas ambientais podem ser facilmente assimiláveis pelos educandos, tornando a Educação Ambiental um tema ainda mais interessante e instigante. Notamos ainda que a temática dos principais pontos turísticos da nossa região é apenas um dos possíveis temas que pode ser abordados.

O PROGRAMA MEIO AMBIENTE E ESCOLA – MAE tem como objetivo criar, avançar e fortalecer programas de Educação Ambiental, comprometidos com a melhoria de qualidade de vida da população e com o compromisso de desenvolver a cidadania crítica e responsável, onde o cidadão seja capaz de tomar as decisões necessárias para a construção de um mundo melhor, começando pela escola.

Nos dias atuais sabe-se que a educação é a base do processo de transformação de uma nação, pois é ela que possibilita o aperfeiçoamento humano e social. Nessa perspectiva desenvolvemos o trabalho de Educação Ambiental para professores e alunos, levando em conta os Parâmetros Curriculares Nacionais, que coloca o meio ambiente como tema transversal no currículo, cria o espaço para uma abordagem sobre questões de relevante interesse social na formação de crianças e jovens como futuros cidadãos conscientes de suas responsabilidades.

Educação Ambiental hoje é um direito de nossos alunos e da sociedade, daí a importância da comunidade ser participativa e atuante nos projetos escolares voltado ao meio ambiente. Cada escola elabora seu projeto podendo contar com o apoio da Secretaria de Meio Ambiente e de Educação.

Os assuntos abordados na escola e na comunidade envolvem tanto os aspectos ambientais como os sociais, pois o desenvolvimento sustentável não separa o homem do meio. Vários temas foram sugeridos e elencados em cada comunidade, tais como: água, lixo e desperdício, coleta seletiva, aproveitamento integral de alimentos, jardinagem, construções alternativas, horta, compostagem, consumo de energia, qualidade de vida, logística reversa do pneu e melhoria nas casas dos moradores envolvidos no processo e da escola como um todo.

Para que toda a comunidade escolar tome conhecimento do trabalho desenvolvido e os objetivos sejam atingidos, os registros das atividades são apresentados de diferentes maneiras e com recursos didáticos diferenciados como cartazes, exposição fotográfica, redações, crônicas, desenhos, peça de teatro, dança, etc. Os trabalhos desenvolvidos dentro do Programa são divulgados na Semana do Meio Ambiente e os resultados podem ser percebidos com base na mudança proporcionada pela participação da escola na comunidade.

O trabalho realizado na prática com os alunos faz parte de um sistema de concepções e valores naturais, culturais e sociais trazendo o êxito das propostas implementadas nas escolas, pois conecta-se com algumas das necessidades sociais e educativas, previstas tanto nos Parâmetros Curriculares Nacionais quanto na Política Nacional de Educação Ambiental. Com isso, já está sendo visível que o programa está contribuindo de forma significativa para a mudança de postura de toda comunidade frente às questões ambientais. Esta assumiu o compromisso de mudança e de forma cooperada com os alunos vem desenvolvendo ações para a melhoria da qualidade de vida, assim podemos reafirmar a função social da escola de formar cidadãos capazes de intervir criticamente na sociedade em que vivem.

CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR





Comments are closed